Trekking em Torres del Paine: Contato com uma natureza exuberante
| Sem categoria

As melhores rotas para fazer Trekking em Torres del Paine

Para você viajante aventureiro, esta é uma sugestão maravilhosa para entrar em contato com a natureza e se deslumbrar com as belíssimas paisagens que encontrará durante o Trekking em Torres del Paine.

O Parque Torres del Paine fica localizado na Patagônia Chilena e é considerado um dos mais belos destinos da região. Possui paisagens incríveis, com montanhas, lagos, geleiras e diversas opções de trilhas de para fazer.

As melhores experiências da sua vida fazendo Trekking em Torres del Paine

O local é procurado pelos amantes do Trekking devido às rotas que o parque oferece aos turistas aventureiros, duas rotas que deixam qualquer viajante encantado!

Circuitos de Trekking em Torres del Paine

Duas formas de fazer Trekking em Torres del Paine: Circuitos W e O

O parque é procurado, principalmente, por turistas que querem desbravar a natureza da região, e o local oferece duas rotas de trekking que deixam qualquer um encantado.

Trekking em Torres del Paine – Circuito W

Trekking em Torres del Paine: Conheça as Morrenas durante sua caminhada

Este circuito de trekking em Torres del Paine é o mais curto e mais procurado da região, já falamos sobre ele aqui

O circuito W é uma rota que pode ser concluída em até 5 dias, totalizando aproximadamente 70 quilômetros de caminhada.

Ele compreende algumas fases para facilitar a conclusão do percurso, são elas:

Primeira fase – Torres del Paine à Mirante Base Torres

Segunda Fase – Refúgio El Chileno ao Refúgio Los Cuernos

Terceira Fase – Caminhada até o Vale do Francês/Paine Grande

Quarta Fase – Caminhada para o glaciar Grey

O circuito recebe esse nome devido ao formato de sua trilha dentro do Parque, que forma um “W”, que unem os principais pontos de visitação dentro do parque: Base Torres del Paine, Vale do Francês e Glaciar Grey.
Trekking em Torres del Paine.

Circuito O de trekking em Torres del Paine

Conhecer o Vale do frances é uma das opções para se fazer durante o Trekking em Torres del Paine

O circuito é assim chamado devido ao formato de sua rota, que circula o parque formando um círculo. É uma caminhada de aproximadamente 140 quilômetros de trilhas.

Para planejar a caminhada pelo circuito O é necessário pensar antecipadamente onde será seu ponto de partida, além de verificar as distâncias entre os alojamentos, para facilitar o planejamento na hora do descanso.

Trekking em Torres del Paine é uma aventura inesquecível para fazer.

Há aqueles que preferem sair da Portaria Laguna Amarga, deixando o mirante da base Torres como o último local a ser visitado. Porém, há aqueles que preferem conhecer as Torres primeiro, já que elas são o grande símbolo do Parque.

Os turistas têm também a opção de começar o circuito pela Guarderia Puedeto, de onde parte um catamarã direto para o Refúgio Pehoé e, de lá, há duas opções de rota: em Direção ao Glaciar Grey ou Vale do Francês.

O roteiro leva o turista a encontrar lagos de águas azuis, enormes campos de estepes, bosques maravilhos.

Planejando seu roteiro de Trekking

Antes de tudo, planejar é o fundamental, seja para quaisquer das rotas escolhidas.

O circuito W, que é mais curto, é indicado para quem não tem muito tempo para as caminhadas ou não está preparado fisicamente para encarar até dez dias de caminhada.

Trekking em Torres del Paine, contato próximo com a fauna e flora da região.

Para ambos os circuitos, o parque possui boa sinalização, o que pode dispensar o acompanhamento de guias para a execução das rotas.

Dentro do parque há refúgios e campings para a estadia e descanso, o que ajuda a recuperar o fôlego para encarar cada etapa do percurso.

Há a opção do turista acampar, caso tenha equipamento para esse tipo de hospedagem, ou tenha alugado material para camping.

Abaixo, separamos os lugares que estão disponíveis para o descanso, lembrando que para a hospedagem, às vezes, é necessário fazer reserva:

Opções de refúgios e campings

Durante o Trekking em Torres del Paine há várias opções de refúgio e campings para descansar

Refúgio Paine Grande: Nesse refúgio os viajantes encontram cozinha coletiva, banho quente e tem a opção de camping, além dos refúgios, que são cabanas individuais ou coletivas.

Refúgio Grey: O refúgio Grey fica próximo ao Glaciar Grey e tem uma boa estrutura para receber os viajantes. Também tem opção de camping, além dos refúgios.

Acampamento Italiano: Esse acampamento é gratuito porém não tem tanta estrutura quanto os outros refúgios. Para conseguir uma vaga é preciso reservar anteriormente com os organizadores do local.

Acampamento Francês: Esse camping também não tem uma estrutura tão boa quanto os outros, porém é uma ótima opção para descanso, já que possui banheiros e cozinha.

Cuernos: Um camping pago, próximo ao camping do francês. Possui água quente, cozinha e é possível também comprar as refeições. Aqui também tem opções de camping ou refúgio

El chileno: Esse camping é referência no local já que muitos viajantes começam os circuitos partindo do El Chileno. Tem água quente e também é necessário fazer a reserva antecipadamente.

Torres Camp Site: Um camping próximo do camping Las Torres, porém não tem uma grande infraestrutura. É um acampamento gratuito.

Camping e Refúgio Torres: Esse camping oferece aos viajantes a opção para locar seu material de camping como barracas, saco de dormir e isolante. Tem refúgios como opção de estadia.

Dicas para o Trekking

Subidas durante o Trekking em Torres del Paine, uma experiência incrível

Além de preocupar com o planejamento de sua viagem e o circuito que vai fazer, é necessário se preocupar com os materiais básicos e pessoais para fazer a caminhada.

Para os mais experientes são itens que não faltam em suas mochilas, mas vamos deixar aqui algumas dicas de itens básicos que não poderão faltar:

Itens pessoais e de higiene, como protetor solar e papel higiênico, roupas confortáveis, óculos de sol, calçados impermeáveis, jaquetas corta vento, já que no local venta muito e as temperaturas são baixas, equipamento para camping, que você pode alugar em Torres del Paine.

Para chegar ao Parque Nacional de Torres del Paine

Da cidade de Punta Arenas ou Puerto Natales há transporte para o parque, essas são as cidades que ficam mais próximo do local.

Vista do Glaciar Grey durante o percurso no Trekking em Torres del Paine

O ingresso no parque é pago, e da portaria há um transporte que leva os turistas para o primeiro local de Camping e hospedagem dentro do local.

A maioria dos viajantes inicia o percurso de trekking em Torres del Paine do Refúgio El Chileno, concluindo assim suas caminhadas visitando os principais pontos do Parque.

Escolhas das rotas para o Trekking

Independente do circuito escolhido a caminhada será, com certeza, a melhor experiência na vida: Paisagens incríveis e exuberantes, lagos de águas azuis e montanhas imensas.

Fotografe a natureza durante o Trekking em Torres del Paine, lembranças inesquecíveis de uma grande aventura

Aproveite a caminhada para registrar os melhores momentos!

Há quem diga que o circuito O, apesar da distância, é um percurso tranquilo, até mais que o Circuito W, que exige muito esforço físico devido às grandes subidas e terrenos irregulares.

Durante o Trekking em Torres del Paine, o Glaciar Grey pode se avistado

A escolha é sua, só não deixe de aproveitar qualquer circuito. Boa aventura!

Aproveite para conhecer o pacote de viagem para o Circuito W que a Descubra Turismo preparou para você poder conhecer todas essas maravilhas que o Parque Torres del Paine guarda.

2 Comentários

  1. Aonde vejo o custo dessa viagem?? Estou me recuperando de um acidente, mas para o ano q vem pretendo estar bem para voltar aos meus trekkings…

Deixe um Comentário